Bike Fit / Ergonomia do Ciclista / Morfologia do Ciclista / Regulagem da Bicicleta

"Bike Fit"; "Ergonomia do Ciclista"; "Morfologia do Ciclista"; "Regulagem da Bicicleta", chame como quiser, pois o que importa é o resultado!



INTRODUÇÃO 
Alguns ciclistas reclamam que depois de pedalar 2 ou 3 horas seguidas, sentem dores no pescoço, mãos, joelhos, costas, etc.Uma bicicleta, por mais luxuosa que seja, deve estar ajustada às medidas antropométricas do ciclista, de maneira que ele se sinta cômodo e aproveite ao máximo cada pedalada. Se continuar a leitura, irá descobrir algumas técnicas para  voce mesmo fazer as mudanças essenciais para regular a bicicleta de acordo com as medidas de seu corpo.


ANTES DE TUDO...
Para "regular corretamente uma bicicleta" é imprescindível que o "tamanho do quadro" seja correto. Para determinar a "medida exata do quadro" IDEAL devemos saber em primeiro lugar medida do "CAVALO".


COMO SABER A MEDIDA DO CAVALO?

1. Vista o bretelle ou shorts de ciclismo e fique descalço;

2. Pegue uma lista telefonica ou um livro de uns 35mm de grossura por uns 125mm de comprimento;

3. Fique de frente para uma parede lisa onde possa fazer uma pequena marca. Certifique-se de que o solo seja plano e rígido para que sua medida seja exata. Para esta medida, o livro fará o papel do selim, então continue de frente para a parede e com o livro entre as pernas faça bastante pressão para simular que está sobre a bicicleta, mas sem exagerar na força. A capa e contra-capa do livro devem estar perpendiculares ao solo, ou seja apoie a base do livro na parede, como se fosse um esquadro. Quando estiver satisfeito com a posição, faça um risco na parede acima da parte superior do livro;

4. Agora é só medir do risco na parede até o chão e pronto, voce terá a medida do seu CAVALO, ou como os espanhóis chamam: entrepierna.


"COMO SABER A MEDIDA DO QUADRO IDEAL"?
Multiplique a medida do CAVALO por 0,65 = MEDIDA DO QUADRO IDEAL.
Por exemplo: a medida do meu cavalo é de "82,5cm" x 0,65 = 53,6cm.
Então escolho um quadro 53cm, pois é sempre melhor escoher a medida do quadro arredondando a média do resultado sempre para um número inferior, pois é mais fáci adaptar a bike à nossa anatomia com um quadro menor do que adaptá-la com um quadro grande!

 

"COMO SABER A MEDIDA DE UM QUADRO SLOPING"?
Fácil! Basta imaginar um tubo horizontal virtual, que vai desde o centro da caixa de direção até o centro do tubo do selim, por uma "linha imaginária completamente horizontal".


EXCEÇÕES (SE TRATANDO DE TAMANHO DE QUADROS)
Quando as medidas antropométricas estão descompensadas (especialmente quando o cavalo é maior do que o normal, temos que utilizar o tamanho "genérico" que corresponde a estatura do ciclista.
Se partirmos para uma atribuição de um quadro 52 para um ciclista de estatura de 1,65/170, podemos aumentar ou dividir 2 tamanhos cada 5cm. Por exemplo:



Desta maneira respeitamos o comprimento do quadro. Se por exemplo: um ciclista me mede 1,72m possui um cavalo de 86.5cm (cavalo teórico 78/80cm), seria absurdo usar um quadro de tamanho 56 (86.5 x 0,65), já que agravariamos o problema de seu tronco curto. Neste caso é melhor oferecer a pessoa um quadro menor e ajustar a altura do selim e comprimento da mesa.


ATENÇÃO ANTES DE INICIAR O PROCESSO DE REGULAGEM LEIA:
Antes de iniciar todo o trabalho certifique-se de que a bicicleta esteja completamente horizontal e o guidão e manetes de freio montados corretamente. Para verificar o plano horizontal é bom travar pelo menos uma roda da bicicleta. Se esquecer destes detalhes será impossível realizar outros ajustes. Na maioria das bicicletas, traçando uma linha imaginária, a ponta do manete de freio e do guidão devem  estar paralelas ao solo.


TAQUINHOS E SAPATILHAS
A primeira regulagem que devemos fazer logo após obter o tamanho do quadro é a do TAQUINHO nas SAPATILHAS. O eixo do pedal deve estar alinhado com a articulação do OSSO METATARSO do pé (por onde dobramos o dedão do pé) para assim aproveitar toda a potencia da perna e não sobrecarregar nenhum grupo propulsor. Ao calçar a sapatilha marque o ponto extato desta articulação, e uma vez encaixado o taquinho no pedal, verifique sua correta posiçãol. Algumas sapatilhas como a SIDI já possuem uma marca (risco) na sola, que mostra exatamente onde deverá ser posicionado o taquinho que também tem um risco na lateral que deverá estar alinhado com o risco da sola da sapatilha. Estes riscos tanto da sola da sapatilha quanto da lateral do taquinho facilitam encontrar a posição correta!




"A ALTURA CORRETA DO SELIM"

Multiplique o resultado do CAVALO  por 0,885.
Por exemplo: a medida do meu CAVALO (descalço, usando bretelle e meia) é de 82,5cm x 0,885 = 73cm (altura do selim) - que se mede desde o centro da parte superior do selim até o centro do eixo do movimento central, conforme figura abaixo:



Obs.: altura do selim, pode variar 1cm de acordo com cada ciclista, o importante é saber a "medida base inicial", até chegar a "regulagem perfeita". Dica: Após regular a bicicleta, saia para pedalar pelo menos 50km, suficiente para saber se está cômodo sobre a bike, leve consigo um jogo de ferramentas para fazer pequenos ajustes durante o pedal.

INCLINAÇÃO E AVANÇO OU ATRASO DO SELIM
O selim deve permanecer totalmente horizontal ao plano da terra. Esta verificação pode ser feita com um simples "nível de bolha". Ao mesmo tempo que soltamos o  parafuso para soltar o selim, podemos variar no avanço ou atraso do selim sobre o eixo do pedal. Para medir o atraso do selim use um prumo desde a ponta do mesmo até o centro do eixo do pedal e comprovaremos a distancia que existe entre o cordão e o centro do eixo do pedal. Abaixo segue uma tabela aproximada para calcular o atraso do selim, embora voce possa obter esta medida com maior precisão utilizando novamente o prumo: suba na bike, encaixe o pé no pedal e deixe o pedvela paralelo ao chão, coloque a linha do prumo na frente do joelho, a linha deve passar exatamente em frente ao joelho indo até o centro do eixo do pedal, caso a linha esteja para frente do eixo do pedal, o selim está adiantado. Perceba que na FIGURA 2 temos um leve adianto de selim, pois o joelho passa da linha.



UTILIZANDO O PRUMO:



TABELA DE ASSOCIAÇÃO PARA AVANÇO OU ATRASO DE SELIM (Medida que vai da ponta do selim até o centro do eixo do movimento central, conforme FIGURA 1 acima. O espaço que fica entre a linha e o centro do eixo é o atraso/avanço do selim).



DISTANCIA ENTRE O SELIM E O GUIDÃO
Esta distancia é muito importante, porém não podemos conhecer esta medida até ter regulado o resto da bicicleta. Esta distancia se mede desde a ponta do selim até o centro do guidão. Segue uma tabela para obter uma distancia aproximada.


TABELA DE ASSOCIAÇÃO DA DISTANCIA SELIM - GUIDÃO




ALTURA DO GUIDÃO
Esta é uma das mais importantes medidas para se sentir comodo sobre a bike. Alguns cicloturistas querem imitar os ciclistas  profissionais que utilizam o guidão um pouco mais baixo, e isto provoca dores na coluna e adormecimento das mãos.
Para medir a diferença existente entre a altura do selim e o guidão, podemos usar um metro e um cordão com nivel conforme figura.
Basta apoiar o metro sobre a base da mesa do guidão e esticar o cordão com nivel desde a base do selim até o metro; onde passar  o cordão com nivel é a diferença da altura do selim e guidão.


TABELA DE ASSOCIAÇÃO DA ALTURA DO GUIDÃO



TABELA DE ERROS  E CONSEQUENCIAS (Clique na imagem para ampliar)




OBSERVAÇÕES FINAIS
Minha intenção aqui não é dizer exatamente o que voce deve fazer para se sentir comodo sobre a bike, mas sim ajudá-lo a não exagerar ao comprar um quadro muito grande, ou usar o selim muito alto, etc. Isto te ajudará a evitar lesões e com certeza amentará o seu rendimento sobre a bike.


FONTES DE PESQUISA
Revista: Ciclismo A Fondo - Edição nº 12 - (Imagens de Graham Watson)
Livro: Ciclismo Completo (Greg Lemond y Kent Gordis).






26 comentários:

Rachel Prochoroff disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cicloturismo São Carlos disse...

Muito bom!
Seria possível usar essas mesmas medidas para mountain bike?

Cicloturismo São Carlos disse...

Muito bom! É possível usar as mesmas formas de medir no mountain bike?

TIAGO CASSIANO disse...

Ao pessoal do Cicloturismo São Carlos, este bike fit é específico para speed, porém dá para usar alguns cálculos para o MTB, como por exemplo a altura do selim, já para o cálculo do tamanho do quadro por exemplo, pode dar problema, pois a geometria da mountain bike é diferente!

Anderson Rabelo disse...

Obrigado pelo post Tiago, ficou muito bom. :)

Meycon disse...

Parabéns pelo post....Este tipo de conteúdo ajuda muitos ciclistas que não podem pagar um bike fit em estúdios.

Meycon disse...

Parabéns pelo post, este conteúdo ajuda muitos ciclistas que não podem pagar por um bike fit em estúdios especializados.

Meycon disse...

Parabéns pela postagem. Este tipo de informação com certeza ajuda muitos ciclistas que não podem ter acesso a um bike fit em estúdios especializados.

Thiago Ladislau disse...

Tiago, Incrivel, depois de muito tempo achei um post tão completo.
Obrigado.

Rogerio Sá Ferreira disse...

Prezado Tiago,
Inicialmente quero parabenizá-lo pela bela matéria.
É de grande utilidade para aqueles que querem pedalar com conforto.
Bicicleta é que nem roupa, deve ser na medida: nem larga nem justa.
Abraços.
Rogério de Sá Ferreira.

Rogerio Sá Ferreira disse...

Prezado Tiago,
Inicialmente quero parabenizá-lo pela bela matéria.
É de grande utilidade para aqueles que querem pedalar com conforto.
Bicicleta é que nem roupa, deve ser na medida: nem larga nem justa.
Abraços.
Rogério de Sá Ferreira.

Felipe Lima disse...

Otimo post, super util, sofri por dias ao trocar a mesa da bike de 90 por 110mm, resultado, dor lombar imensa, parei de pedalar por uns dias, observando o post observei a distancia ideal entre o guidao e o selim e fiz a troca por um de 100mm, caiu como uma luva. obrigado!!!

Roberto w.S. Reis disse...

Otimo, tudo de bom, obrigado por nos ajudar.
Tudo bom, bem e belo!.
Moçamba 16/08/2015

Roberto Neto disse...

Muito bom mesmo!!! Parabéns a ao Sr. Tiago Cassiano. Do melhor que já vi depois de tantas pesquisas na Net, já esta nos meus favoritos :). Se me permite uma sugestão, para ser ainda mais perfeito, na minha opinião falta a questão da largura do guiador que me parece muito importante uma vez que pode influenciar na respiração do ciclista. Se puder acrescentar, seria a "cereja" no topo do bolo. Abraços e continuação de um óptimo trabalho.

Roberto Neto disse...

Muito bom mesmo!!! Parabéns a ao Sr. Tiago Cassiano. Do melhor que já vi depois de tantas pesquisas na Net, já esta nos meus favoritos :). Se me permite uma sugestão, para ser ainda mais perfeito, na minha opinião falta a questão da largura do guiador que me parece muito importante uma vez que pode influenciar na respiração do ciclista. Se puder acrescentar, seria a "cereja" no topo do bolo. Abraços e continuação de um óptimo trabalho.

Gilberto Ferreira disse...

Possuo uma MTB GT Agrressor de cromoly quadro 20 q é acima meu tamanho segui detalhadamente suas instruções troquei a mesa e para o meu espanto estou voando baixo confortavelmente sem os problemas com dores q eu tinha no passado apesar de ser uma MTB configurada como hibrida as medidas cairam como uma luva!!! Obrigado!!!

Luiz Aguiar disse...

Espetacular.
Técnico, preciso, eficiente e ÚTIL.

Edriele Viero disse...

não entendi a parte dos calcanhares, na figura das consequências?????

Designer Grafico disse...

Olá! Edriele Viero, quanto aos calcanhares afastados, é em relação a regulagem dos taquinhos nas sapatilhas, pois se posicionarmos os taquinhos "mais para dentro" de maneira que os pés fiquem bem próximos do quadro, isto pode aumentar a potencia, mas também pode forçar os joelhos, portanto precisa achar uma posição "mais para o centro da sapatilha", para que os calcanhares não fiquem tão próximos ao quadro e nem muito longe, ou seja precisa encontrar um equilíbrio. No bike fit a regulagem dos taquinhos é "mais chata". Sugiro que saia para pedalar com uma chave no bolso a fim de encontrar a melhor posição dos taquinhos, respeitando o seu físico e as dicas já dadas aqui no blog. Conheça também meu novo blog: "sigadebike.com.br". Abraço Tiago Cassiano.

gilmario batista camara disse...

bom dia Tiago, quero agradecer por este informativo importantíssimo para nós ciclistas, seja de mountain bike ou speed, pois precisamos ter o melhor posicionamento possível para pedalarmos sem causar danos físicos ao nosso corpo, eu por exemplo, não tenho condições de pagar um profissional para fazer um bike fit, e fiquei muito feliz por encontrar seu conteúdo na internet, isso me serviu muito. obrigado Gilmário.

José Cunha disse...

Tiago, esse foi o melhor conteudo informativo que encontrei na internet sobre o tamanho e as medidas p bike.
Obrigado
José Cunha

Welber Silva disse...

Matéria simplesmente TOP... Parabéns

Claiton disse...

Sensacional!! Parabéns

Claiton disse...

Sensacional.Parabéns!!

Unknown disse...

Muito bom mesmo, bem elaborado e explicado! Parabéns!! Leonardo, Cachoeira do Sul/RS.

Renato Deiga disse...

Muito bom, tirei dúvidas importantes e fiz os ajustes que precisava.
Parabéns pela matéria.